VEJA ALÉM DA MÁSCARA


Hoje eu parei para escrever! Não para o TCC, não para zoar a página do Aécio, não para as reportagens.

[...]

Existem dois sentimentos que eu considero como as melhores coisas para ostentar: (1) a sensação do dever cumprido e (2) a de estar em paz com o seu passado. A primeira porque quando você se dedica a algo com afinco, trabalha duro para conseguir, e então vê a coisa acontecer ou ficar pronta, é o melhor anestésico para uma mente cansada. "Do it yourself diziam. O céu é o limite, acredite".

A segunda porque tudo que você é hoje foi consequência das suas atitudes passadas. Estar ciente de que as suas escolhas, certas ou erradas, te levaram ao bem-estar atual é o melhor remédio para um coração doente. "Num piscar de olhos tudo se transforma. Tá vendo? Já passou!"

Já experimentou escrever sobre si mesmo? Acredito que se as pessoas parassem mais para escrever sobre elas mesmas, para refletir qual o seu papel na sociedade, poderiam analisar da melhor forma quais objetivos deverão seguir. Pare e sinta, "entenda seu corpo (batimentos por minuto) sua estória, seus quilômetros por hora. Entenda seu canto, seus tantos por cento".

É só pegar uma folha ou o celular mesmo e escrever. Ninguém precisa ser nenhum J. R. R. Tolkien para isso, um parágrafo solto, uma anotação no bloquinho durante a madrugada já ajuda bastante. "O x dessa questão é ver além da máscara. Além do que é sabido, além do que é sentido".

Dia após dia reveja seus conceitos, reavalie a sua existência. Não tenha medo de ser sincero consigo mesmo, de admitir a pessoa que você criou. Se reinvente! Com direito a "clichês inéditos e déjà vu nunca visto". 

Aposto que ao identificar suas qualidades ou os seus defeitos, você se sentirá uma pessoa mais consciente do seu presente. Lembre-se que tudo que fazes hoje um dia será cobrado. Seja aqui na terra ou não. E aí, vai querer está com a sensação do dever cumprido ou não? "É hora de rever os planos. O mundo não é plano, não para de girar. Agora que o tempo é relativo não há tempo perdido, não há tempo a perder".

*Texto com base nas canções: Além da máscara/ Sem problema/ Canibal vegetariano devora planta carnívora. [Humberto Gessinger]

Comentários

  1. Respostas
    1. Obrigado Jamilly. Fico feliz que as pessoas compartilhem da mesma sintonia que tento expressar. Grande abraço!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

EXTRAINDO SIGNIFICADOS: COMO NOSSOS PAIS - BELCHIOR/ELIS REGINA

DESGESSINGERIANDO: PRA SER SINCERO - ENGENHEIROS DO HAWAII

EXTRAINDO SIGNIFICADOS: ROOKMAAKER - PALAVRANTIGA