Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2015

EXTRAINDO SIGNIFICADOS: ÁLIBI - DJAVAN/MARIA BETHÂNIA

Imagem
A canção “Álibi” foi escrita pelo cantor e compositor alagoano Djavan. A música faz parte do álbum “Cara de índio” de 1978. Nessa mesma época, “Álibi” foi regravada pela cantora baiana Maria Bethânia, no álbum que recebeu o mesmo nome de “Álibi”. Sendo este o primeiro álbum na história da música brasileira, que por uma intérprete feminina ultrapassou um milhão de cópias.
De maneira geral, a música fala basicamente de amor. Traz uma mensagem de angústia perante o possível fim de um relacionamento que se mostrou decepcionante para o eu lírico da canção. Seria a exposição de sentimentos que aos poucos, foram se transformando em mágoa, demonstrando um anseio em forma de aflição.
Havia mais que um desejo, a força do beijo, por mais que vadia, não sacia mais
Na primeira estrofe, percebemos um sentimento de decepção por parte do eu lírico. Porém, ele não está falando especificamente de si, mas de uma pessoa na qual ele mantinha um relacionamento, esse que se demostrou não ser totalmente verdade…

DESGESSINGERIANDO: DOM QUIXOTE - ENGENHEIROS DO HAWAII

Imagem
“Dom Quixote” é a sexta faixa do álbum “Dançando no Campo Minado”, da banda gaúcha Engenheiros do Hawaii, lançado no ano de 2003. Os compositores da canção foram Humberto Gessinger, e Paulo Galvão.

Muito prazer, meu nome é otário vindo de outros tempos, mas sempre no horário
A primeira estrofe traz um eu lírico se apresentando como “otário”, demonstrando em sua afirmação um sentimento de indiferença e dando a entender que ele se sente fora de contexto em relação a algo (vindo de outros tempos). Podemos então perceber esse algo, como sendo as relações sociais, políticas e econômicas que estão presente na sociedade de sua época, em especial o funcionamento doSistema Capitalista. “Sempre no horário” faz alusão justamente ao modo como se dão as relações capitalistas na sociedade.
Obs. 01:Os proprietários dos meios de produção (burgueses ou capitalistas) são a minoria da população e os não-proprietários (proletários ou trabalhadores - maioria) vivem dos salários pagos em troca de sua força de…